Programa “365 Algarve” anima férias da Páscoa

As férias da Páscoa estão aí e o Algarve quer potenciar ao máximo a região que nesta altura regista uma forte procura por turistas nacionais e estrangeiros. Para tal, vai oferecer um vasto programa cultural. O “365 Algarve”, tem agendados para o mês de Abril, 35 eventos e mais de 150 apresentações, a acontecer um pouco por toda a região. Música, ópera, dança, teatro, cinema, literatura, artes visuais, artes performativas, animação de património e gastronomia preenchem os dias de primavera no principal destino de férias do país.

“Tavira – Património e Artes” é um evento de fusão entre o património religioso, arquitectónico e pictórico das igrejas de Tavira com o património musical das várias épocas em que aqueles templos foram erguidos. Dias 8 e 22 vai haver concertos na Igreja da Misericórdia , cujo portal é obra-prima do Renascimento algarvio. No Domingo de Páscoa, a igreja do Carmo, morada do mais interessante retábulo rococó do Algarve, vai receber variados concertos.

Está ainda agendado para este mês o Festival Internacional de Música do Algarve (FIMA), estando previstos sete concertos: “Beethoven”, apresentado pela Orquestra Clássica do Sul com o maestro e solista no piano Jean-Bernard Pommier, dia 06, às 21h00, no Grande Auditório da Universidade do Algarve em Gambelas, em Faro.

“Modernismo Francês: Debussy & Poulenc”, com o pianista Constantin Sandu e um quinteto de sopros da mesma orquestra, acontecerá dia 08, às 21h00, no Centro Cultural de Lagos. Já dia 21 terá lugar o “Concertos Brandeburgueses”, dia 23 o “Música Sacra de Mozart”, e dias 27 e 28, os concertos “Grandes Quartetos I e II”. As “Serenatas e Sinfonias de Câmara”, no dia 30, encerram o mais antigo festival algarvio de música erudita, cuja programação completa está disponível em www.fima.com.pt.

No dia 07, “O Gajo” chega ao Hostel 1878, em Faro, com a sua viola campaniça para um Concerto ao Entardecer que convida a descobrir artistas e bandas emergentes do panorama nacional. O Gajo é um viajante e a música o seu meio de transporte. A viagem passa pela música popular, o fado, o folk e o rock.

No mesmo dia, nova apresentação de “Morphosis”, projecto de Hugo Alves e João Frade que sobe ao palco do Teatro Mascarenhas Gregório, em Silves, para dar asas à improvisação sobre temas originais escritos a pensar nas potencialidades de dois icónicos instrumentos: o trompete e o acordeão.

 

Please like & share:

Facebook Comments

Raquel Carvalho

Lutadora e apaixonada pela vida. É assim que me caracterizo.
Para mim a família é o meu pilar e ser mãe foi um sonho tornado realidade. Os meus dois príncipes são a minha razão de viver e o meu orgulho. Adoro a minha profissão, pois escrever e fazer perguntas sempre esteve no meu ADN. Escolhi ser jornalista com seis anos de idade e consegui.

raquel-carvalho has 169 posts and counting.See all posts by raquel-carvalho

Deixar uma resposta

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Enjoy this blog? Please spread the word :)